Serviços Globais de Projeto

×

Cookies

Ao navegar no nosso site estará a consentir a utilização de cookies para obter uma melhor experiência de utilização. Conheça mais sobre a nossa Política de Privacidade.

Notícias

12 de janeiro de 2015

2014 marca o terceiro ano completo de implementação efetiva da Iniciativa JESSICA em Portugal, um fundo que conta com 132,5 milhões de Euros de fundos públicos que mobilizaram uma capacidade de financiamento total da reabilitação e regeneração urbana superior a 300 milhões de euros.
O primeiro investimento foi aprovado em meados de 2012 e conta já com um investimento global de 370 milhões de Euros, tendo o financiamento JESSICA contribuído com cerca de 160 milhões. De acordo com a estrutura de financiamento JESSICA, 50% do financiamento provém das verbas do Fundo, a que acrescem outros 50% mobilizados pelas entidades gestoras de Fundos de Desenvolvimento Urbano (BPI – Banco Português de Investimento, CGD – Caixa Geral de Depósitos e TdP – Turismo de Portugal). Em termos regionais, 50% foram aplicados no Norte, 20% no Centro, 12% em Lisboa, 12% no Alentejo e 7% no do Algarve, alocação proporcional ao contributo de cada região para o Fundo JESSICA Portugal.
As disponibilidades atuais para novos financiamentos ascendem ainda a 48,5 milhões de Euros, com a seguinte repartição regional: Norte – 20 M; Centro – 13 M ; Lisboa – 1 M; Alentejo – 13 M; Algarve – 1.5M.
Os investimentos financiados abrangem 41 Municípios e os seus promotores incluem entidades municipais, sem fins lucrativos e jovens empreendedores, bem como grupos nacionais e internacionais, os setores abrangidos incluem turismo, equipamentos sociais, comércio, saúde, educação, cultura, energia, mobilidade e indústria.
Entre janeiro e novembro de 2014, 51 novos contratos de financiamento no valor total de 88 milhões de Euros, mais do que duplicando o montante aplicado nos anos anteriores.


« OUTRAS NOTÍCIAS

Destaques

Galbilec responsável pelo serviço de Consultoria para Elaboração do Plano Estratégico para a Reabilitação Urbana do Centro Histórico de Braga

Apostados em expandir a nossa atividade para novas áreas de negócio, complementares às já existentes, temos orgulho em anunciar que nos foi adjudicado pela Câmara Municipal de Braga.

LER MAIS

Prorrogação do prazo para apresentação de candidaturas ao apoio à eficiência energética em edifícios de serviços

O apoio, concedido no âmbito do PRR - Plano de Recuperação e Resiliência, é atribuído a fundo perdido, tem uma taxa de comparticipação máxima de 70% e incide sobre o total das despesas elegíveis da candidatura, com o limite máximo de 200 mil euros por beneficiário.

LER MAIS